Nesta quarta-feira (22), um protesto na BR-110 deixou congestionamento no Km-42, trecho da cidade de Santa Brígida.

Os indígenas da aldeia Pankararu estavam reivindicando a instalação de um redutor de velocidade no local. Os protestantes teriam ateado fogo em pneus e madeiras, inviabilizando a estrada em seus dois sentidos.

Segundo relatos de moradores da localidade, o trecho é bastante perigoso e possui altos índices de acidentes, todos ocasionados pela alta velocidade dos veículos que trafegam pela via.

“Aqui está muito perigoso, há muito tempo estamos reivindicando a instalação de um quebra-molas aqui na altura do km 42 em Santa Brígida. Pedimos às autoridades competentes que por favor nos ajudem e nos atendam”, disse uma moradora.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui